Alguns sintomas da doença são discretos, e merecem ser analisados por profissionais médicos: Transtornos de humor, depressão, alterações do sono, perda de olfato, diminuição da caligrafia, e numa fase posterior: tremores, rigidez muscular, descoordenação motora.

Saiba como prevenir:

Atividade Física: Praticar atividade física é muito importante pois vai desencadear a produção de substâncias que dão vitalidade ao cérebro.

Alimentos ricos em antioxidantes: Consuma frutos vermelhos, nozes, peixe e legumes.

Café: Consuma cafeína pois ela ajuda a proteger contra os problemas motores típicos da doença de Parkinson.

Cantar: Previne efeitos negativos nas cordas vocais